CMS monitora atividades através dos resultados de desempenho dos processos

Os resultados de desempenho dos processos são os dados que permitem monitorar um processo interno ou externo das atividades de uma empresa. Através deles podemos medir o desempenho dos processos que envolvem o Sistema de Gestão Integrado (SGI) da Companhia Matonense de Saneamento (CMS). Geralmente estão em concordância com requisitos ambientais e com os objetivos da empresa.

Medimos o desempenho do processo de tratamento de esgoto pelas análises dos dados de DBO(Demanda Bioquímica de Oxigênio), DQO (Demanda Química de Oxigênio), OD (Oxigênio Dissolvido), óleos e graxas presentes tanto na entrada quanto na saída do efluente, análise dos gastos e da eficiência energética da estação e da operação, análise do consumo de água, indicadores da eficiência energética do processo de fabricação de fertilizante, do consumo de insumos do fertilizante, indicadores de qualidade dos fornecedores, analisados através da entrega dos produtos e da documentação deles, satisfação dos clientes, da equipe de compra e da eficiência do processo de recursos humanos.

As análises são diárias, porém, dependendo dos dados, são registrados semanalmente, mensalmente, trimestralmente, semestralmente ou anualmente. Esses resultados são obtidos desde o início da operação, já que alguns dados são requisitos do contrato de concessão e das legislações ambientais vigentes.

Os resultados são obtidos através de sistemas, planilhas e monitoramentos diários da operação, por meio de instrumentos, seja de campo ou laboratório, contas de energia, análises laboratoriais, compilação dos dados de ERP, entre outras formas.

Com a análise dos resultados, verificamos se as ações ou se os processos estão sendo eficientes. O não atendimento de alguns índices pode significar a necessidade de mudanças e melhorias numa área específica. O procedimento de “Não Conformidade e Ação Corretiva” lista uma série de ações que devem ser feitas a fim de analisar e mitigar um erro sistêmico ou pontuar uma ação aguda, a fim de analisar a causa do não cumprimento de uma meta ou requisito.

Os requisitos ambientais são exigências e precisam ser cumpridos. As metas do sistema não têm a obrigatoriedade do seu cumprimento, mas servem de parâmetro para a operação. Algumas ações operacionais podem causar o não cumprimento de uma meta específica, mas não fazem com que um requisito ambiental não seja cumprido.

Abaixo uma lista de parâmetros e requisitos ambientais que precisam ser cumpridos:
- OD (Oxigênio Dissolvido) de saída: acima de 2,00
mg/l (devolvemos com 4,92mg/l em 2020);
- DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio): acima
de 95% (devolvemos com 98,31% em 2020);
- OG (Óleos e Graxas): abaixo de 100 mg/l (devolvemos com média de 5 mg/l em 2020);
- Consumo de água potável: 8,33 m³/h, de acordo
com a outorga; (consumimos 1,30 m³/h em 2020).

Fonte : jcmatao.com.br
Data da Informação : 01/04/2021