Um privilégio para Matão

Nós matonenses temos o privilégio de ter em nossa cidade a concessionária CMS – Companhia Matonense de Saneamento, umas das principais e melhores empresas não só do País, mas da América Latina em destaque pelo cuidado com a preservação do meio ambiente.

Pelo seu renome, respeito e excelência no tratamento de esgoto doméstico do Brasil, a ETE – Estação de Tratamento de Esgoto, traz como uma das principais missões da empresa, principalmente por estar ligada à preservação ambiental e aos cuidados com a natureza, sempre aprimorar seus processos visando a melhoria da qualidade de vida de cada um de nós, e em suas ações coloca a saúde e os cuidados com os matonenses em primeiro lugar.

Investindo sempre em tecnologias limpas buscando a harmônica convivência entre desenvolvimento econômico e o meio ambiente, a CMS concentra no seu dia a dia ações que resultem em eficiência social e sustentabilidade, como o Certificado Verde, um documento agroambiental da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que tem como principal fator desenvolver ações que estimulem a sustentabilidade, buscando constantemente a preservação ambiental e da vida de todos nós como verdadeira responsabilidade social.

Saúde e cuidado com a população

A ETE está entre um seleto grupo de empresas a operar através de uma concepção onde os processos biológicos anaeróbios e aeróbios, uma das tecnologias mais modernas dentre as atualmente disponíveis, que proporciona tratar 100% do volume de esgoto recebido com eficiência de 98% na remoção de matéria poluidora.

Todo esse cuidado resulta em inúmeros benefícios ao meio ambiente, pois a estação tem capacidade de tratar 450 litros de esgoto por segundo, ou quase 38 milhões de litros por dia. Fazendo um comparativo, daria para encher, por exemplo, mais de 19 milhões de garrafas pet de 2 litros.

O volume de esgoto doméstico que chega à CMS através de uma tubulação específica para isto passa por um amplo e completo tratamento. Só depois de a água atravessar todos os devidos processos ela é lançada no rio São Lourenço como água cristalina, em um nível percentual acima da exigência legal e comprovado pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB).

A excelência de todo o processo só é garantia de sucesso absoluto devido a um sistema totalmente automatizado onde técnicos especializados monitoram 24 horas por dia o funcionamento de todos os equipamentos que compõem o processo de depuração da matéria orgânica presente no esgoto.

Outro destaque é que a CMS conta com o apoio de laboratórios externos, especializados e credenciados, que, juntamente com as análises internas, comprovam o atendimento às normas da concessão e aos requisitos legais exigidos pela CETESB e Ministério da Agricultura.

Investimento e tecnologia

Melhorar a saúde de cada um de nós, prevenir doenças, elevar nossa qualidade de vida, além de preservar o meio ambiente e as ações sustentáveis. Essa é a CMS preservando com cuidado e amor o futuro das novas gerações da população matonense.

Todo esse cuidado gera investimentos em equipamentos que garantem eficiência e eficácia em cada etapa do processo de tratamento é lei para a ETE, por isso, em 2013, a empresa adquiriu um Sistema de

Tratamento de Tratamento Preliminar Compacto – UPC, que garante a alta excelência do composto orgânico produzido após o tratamento da água, e que é utilizado por muitos agricultores de Matão e região como fertilizante agrícola.

O equipamento possui tecnologia italiana de ponta, e retira materiais sólidos suspensos, areia, óleos e gorduras, o que evita o desgaste desnecessário das bombas e outros equipamentos utilizados no processo. Ele é dividido em três etapas: desarenação, remoção de materiais graxos e remoção de resíduos. Após cada um desses processos, o efluente sofre o processo normal de tratamento.

Dentro da política de melhoria contínua empregada por seu Sistema de Gestão, a CMS adquiriu em 2014 um conjunto de gradeamento grosseiro, em substituição ao Cesto de entrada. O Objetivo deste sistema é remover de maneira mais limpa e eficiente os sólidos maiores como garrafas pet que prejudicam o sistema de tratamento. Além de ser um processo muito melhor, a limpeza é facilitada. Ela é feita automaticamente através de esteiras que removem o resíduo preso à grade e os direciona à caçambas por meio de roscas transportadoras, eliminando a limpeza manual.

Qualidade de vida

O esgoto doméstico tratado com altíssima excelência como é o da nossa cidade pela ETE, além de preservar o meio ambiente, é de extrema importância para a nossa saúde, pois muitas doenças são prevenidas devido ao trabalho que a CMS proporciona para a cidade. Todos esses benefícios resultam também no crescimento econômico, gerando mais empregos e elevando a qualidade de vida da população.

 Quanto menos se investe no setor, mais o governo gasta com saúde: hospitais, remédios e postos. O não tratamento adequado do esgoto pode gerar enfermidades muito sérias para todos nós, como por exemplo:

 Ascaridíase (lombriga/verme): Transmitida por mãos sujas de terra, alimentos e água contaminada, e que causa inflamação nos intestinos.

Diarreia: Transmitida por água e alimentos contaminados, causando vômitos e desidratação. Pode parecer uma doença simples, mas no Brasil cerca 2.500 crianças menores de cinco anos morrem a cada ano no Brasil em decorrência dessa doença.

Hepatite A: Transmitida por alimentos contaminados e pessoa já infectada, e pode ocasionar inflamação nos fígados.

Febre Tifoide: Alimentos e água contaminados pode gerar essa enfermidade infecciosa e muito contagiosa que ataca, geralmente, o tubo digestivo.

Teníase: Carnes suínas, crua ou malcozida, que pode causar inflamação nos intestinos.


Fonte : Informativo da CMS / Encartado no JCMatão
Data da Notícia : 22/12/2017

Últimas notícias