CMS utiliza a tecnologia a serviço do meio ambiente

A Companhia Matonense de Saneamento (CMS) reforça seu compromisso com a preservação ambiental através de investimentos contínuos em tecnologia, qualificação dos profissionais e com a realização de manutenções periódicas e preventivas na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE).

 

Os investimentos em equipamentos e na atualização de tecnologias de processo, realizados pela CMS periodicamente, têm um impacto significativo na qualidade do tratamento do efluente. A grade de correntes e a UPC (Unidade Preliminar Compacta), por exemplo, são equipamentos essenciais que garantem a retenção de sólidos, desempenhando um papel importante na preparação do esgoto e na eficiência dos processos microbiológicos de degradação da matéria orgânica.

 

A estrutura tecnológica da CMS é capaz de monitorar o processo de tratamento do efluente a longa distância e em tempo real. As informações são coletadas através de equipamentos de última geração, utilizando tecnologia wireless. O sistema supervisório recebe as informações e executa ajustes, por meio de técnicas computadorizadas ou mecânicas, que diminuem a necessidade da presença humana em todo o processo.

 

Esse monitoramento constante permite que qualquer ação necessária seja realizada de forma ágil, garantindo, inclusive, que o esgoto atípico não prejudique o processo de tratamento e os organismos vivos responsáveis pela limpeza do efluente.

 

Com essas práticas, a empresa trata 100% do esgoto doméstico recebido na ETE, com índices de eficiência acima de 98% na remoção de matéria poluidora. Transformando esgoto em água cristalina, a CMS proporciona mais qualidade de vida para a população matonense e garante a preservação do Rio São Lourenço, além da fauna e da flora do seu entorno.

 


Data da Notícia : 20/12/2023

Últimas notícias